História da Paróquia

Como tudo começou…

Jst-foto 30

Antes , quando ainda não havia a Paróquia S.Rafael, um comerciante local construiu, na rua Severiano Monteiro, uma capela chamada Capela S.Sebastião, onde mais tarde, o pároco da S.Rafael, Pe. José, dormia. Nessa Capela, a Sra. Irene já dava a catequese, inclusive, realizou-se ali a 1ª Comunhão dessas crianças.

JST-foto1 (640x479)

No início do ano de 1960, ainda antes da construção da Paróquia S.Rafael, a Missa de domingo era celebrada, às 17 horas, numa loja situada na esquina da rua S. Leonardo.

 A cada domingo, vinha um padre diferente das paróquias próximas.

JST foto2 Em 23/10/60, o então Cardeal Arcebispo do RJ, D.Jaime de Barros Câmara veio ao espaço destinado à construção da Paróquia, para assinar o decreto de ereção canônica da Paróquia S.Rafael e nomeação do Pe. José Francisco Bunat como vigário.

Em 08/12/60, deu-se a ereção canônica do Apostolado da oração, sendo designada presidente, a Sra. Nilsa Mourão Rodrigues.
Em 23/05/61 – bênção solene da pedra fundamental da Paróquia S.Rafael.
As pastorais iam surgindo pouco a pouco.

jst-foto3 Em 27/12/61 é nomeado novo pároco, Pe. Carlos Fernandez de Gorostiza.

jst-foto4

Nessa época, a paróquia ainda era um barracão de madeira.

Em março de 62, aos sábados e domingos à noite, havia sessões de cinema, já na Paróquia.
Em fev/62, início da obra da casa paroquial e igreja.
Abril/62 – início da reunião do apostolado na 1ª quinta-feira, com terço e ladainha. Início do catecismo.

Jst- foto 27

Primeira catequista, Sra. Joana, pessoa muito importante no início da Paróquia, recebendo o carinho e reconhecimento de Pe. Florêncio.

8/4/62- 1ª missa campal.
29/04/62 – A Missa das 8h30 passou a ser celebrada na Capela S.Sebastião.

jst-foto7

31/05/62 – festa da ascensão com a coroação de N.Senhora, no altar-mor da Igreja.

24/06/62 – Pe. Carlos passa a morar na nova casa paroquial, ainda em construção.
15/07/62 – início das aulas para a formação da Congregação da Doutrina Cristã
29/07/62 – 1ª Missa celebrada na nova Paróquia S.Rafael, em obras e ainda com cobertura provisória.

jst-foto6

11/08/63 – inauguração da Igreja parcialmente pronta, ou seja, foram colocados a estrutura metálica e as telhas.

15/08/63 – 1ª Missa na Paróquia, já com a nova cobertura
18/08/63 – fundação efetivamente da Congregação da Doutrina Cristã – CDC .
Janeiro/1964 – trasladação do altar-mor da Capelinha de madeira para o altar-mor da Igreja.
Maio/64 – início da celebração diária de Missas na Paróquia

jst-foto8

31/05/64 – 1ª Comunhão celebrada na Paróquia

Outubro/64 – 1ª sexta-feira – 1ª Missa celebrada em português
10/11/64 – chegada de Pe. Florêncio, como vigário cooperador
Abril/65 – a 1ª grande concentração de pessoas se deu nesse mês, por ocasião da Semana Santa, quando, a pedido do clube “Brotinhos da Água Grande”, foi celebrada Missa campal na estrada da Água Grande, antecedida de procissão.
Maio/65 – a partir desse mês, os padres, no Rio de Janeiro, já podem vestir o terno preto ou cinza
05/06/65 – a partir dessa data, todas as pastorais começaram a fazer adoração ao Santíssimo, às 17h, no 1º domingo de cada mês

Julho/65 – por ocasião de licença, por motivo de saúde, do Pe. Carlos, o Pe. Florêncio foi nomeado vigário substituto, nos meses de julho e agosto.

29/08/65 – Após serem preparados pelo próprio Pe. Florêncio, intensivamente durante 2 meses, a 1ª turma de crismandos, com 253 jovens recebem, nesta data, o sacramento de Crisma.
29/08/65 – saída do Pe.Carlos , assumindo como vigário, seu irmão Pe. Florêncio

jst-foto9

30/01/66 – aquisição de um carro para a Paróquia.

jst -foto10

Foi criado um escritório para o padre receber as pessoas reservadamente.

Retorno de Pe. Carlos.

Fevereiro/67 – comunicação oficial de que a Paróquia S.Rafael passa a pertencer ao Vicariato Leopoldina.

18/06/67 – D.Jaime de B.Câmara inaugura o término parcial da obra da Paróquia, faltando apenas os portões.
Janeiro/68 – lançada a campanha do Tributo Paroquial (hoje, Pastoral do Dízimo), com a adesão inicial de 200 paroquianos.
Iniciou-se, nesse ano, o curso de perseverança.

Maio/68 – criada a pastoral do Batismo

Junho/agosto/1969 – colocação de “piso romano” no presbitério; altar novo e definitivo, segundo as últimas exigências litúrgicas, sacrário e painel de jacarandá no fundo do presbitério.jst-foto 11

Janeiro/março/1970 – com a venda do terreno e capela S.Sebastião, foi possível a colocação do piso de mármore.

 

Agosto/outubro/70 – formação do Conselho Paroquial, fazendo parte 8 pessoas.
Dezembro/70 – formação do Grupo Jovem, iniciando-se com 25 jovens.
Junho/71- saída definitiva do Pe. Carlos, para tratamento de saúde
1971 – formação de leigos, com a participação no curso para Ministros Extraordinários da Comunhão de 4 pessoas.
Dinamização da Pastoral da Crisma
1975-1976 – dinamização da pastoral da Ação Social, atendendo 50 famílias com bolsa de mantimentos, além de um trabalho de catequese com os mesmos.

1978-Busca de dinamismo na educação com diversos cursos noturnos: Mobral, datilografia, etc. Além de cursos mensais de aprofundamento religioso para agentes de pastorais.
Criação de uma livraria religiosa, com grande aceitação.
1979 – maior participação na campanha da fraternidade.

 

Jst- foto 28

1980 – neste ano, durante os meses de março e setembro, 2 noites por mês, num total de 5 horas, houve um estudo de diversos temas da fé, da Sagrada Escritura e da Liturgia, com todos os agentes de pastorais da Paróquia, com uma média de 35 participantes.
Também, nesse ano, foi criado o Casulo S.Rafael, com atendimento inicial a 30 crianças carentes, entre 3 e 6 anos.

 

19/08/80 – após 3 meses de intensa preparação, foi realizada a cerimônia de casamento religioso comunitário de 30 casais.
Início da catequese de adultos com a participação de 20 adultos.
Também, neste ano, o curso de crisma contou com a participação de 100 pessoas, na maioria, jovens.
1981 – formação continuada para agentes de pastoral – 2 tardes por mês, com a presença de quase todas as catequistas.
Maio/1981 – todas as noites as crianças da catequese, com seus familiares, vêm rezar o terço na Paróquia. No encerramento, fez-se uma solene representação do terço ao vivo, com 60 crianças vestidas de túnicas de diversas cores, representando as Ave-Marias, finalizando com a coroação de N.Senhora.
09/12/81 -20º aniversário do Apostolado da oração – houve grande comemoração

Maio/1983 – compra de 1 loja, na rua Paratinga, 130 A, para um melhor desenvolvimento da Ação Social, onde passa a funcionar o Bazar de roupas, calçados, etc.

jst-foto12

Neste ano, as obras da Paróquia continuaram: construído o novo salão paroquial, escada externa, reforma da secretaria, ampliação do salão de entrada, pintura da Igreja, construção de banheiros externos, etc.

jst-foto13

1985 – Jubileu de prata da Paróquia – houve, no mês de setembro, diversos eventos para a comemoração.

jst-foto 14

Nesse ano, surgiu o Grupo folclórico S.Rafael Arcanjo, que, através de danças e tradições portuguesas, evangelizam e levam o nome da Paróquia a diversos locais do Rio de Janeiro e de outros estados do Brasil.

19/06/86 – falecimento do Pe. Carlos.
25/06/86 – bodas de prata sacerdotais do Pe. Florêncio

jst foto 23

Agosto/86 – colocação de painel de S.Rafael, acima da marquise, no lado externo da Igreja.

1987 – Curso básico de direito canônico na Paróquia, com a participação de 50 pessoas.
A partir de 1985, a paróquia passou a promover a via sacra, durante a quaresma, em diversos setores do bairro de V.Alegre.
Outubro e novembro/1989 – o crescimento do grupo de Renovação Carismática Católica e a conveniência de um aprofundamento e experiência de oração levaram à organização de um Seminário de Vida no Espírito, com a participação semanal de cerce de 150 pessoas.

jst- foto 15

26/11/89 – bênção solene do Centro Comunitário – Casulo S.Rafael, com a participação de mais de 500 pessoas.

Jst- foto 26

1990 – formação do grupo jovem denominado JUMPAP, inicialmente com 10 jovens.

1991 – 1º seminário de catequese na Paróquia, organizado pela equipe de formação religiosa de adultos e catequistas, com cerca de 100 participantes.
18 a 22/05/92 – realização do 1º seminário da família, com participação de 45 casais.
07 a 14/07/92 – visita da imagem de N.S.Penha de França, quando diversos grupos se formaram para, diante da imagem fazerem orações e súplicas, durante todo o dia.
14 a 18/09/92 – 1ª semana da juventude, motivada pela CF 92 – Juventude, caminho aberto, tendo a presença do Bispo auxiliar do RJ, D.Rafael Cifuentes.

jst-foto16

Janeiro/1994 – nomeação do diácono permanente Juranir Rossati.

Com essa nomeação, foi possível a realização de culto dominical, no 2º e 4º domingo de cada mês, no Casulo.

jst-foto 17

Outubro/94 – passa a circular mensalmente, com uma tiragem inicial de 500 exemplares, o Jornal Sal da Terra, com distribuição gratuita.

jst-foto 18

Agosto/95 – aquisição da casa , onde passou  a funcionar a Capela Sagrada Família, no bairro Araújo.

28/11/97 – concedida permissão oficial para que o Santíssimo Sacramento permaneça na Capela Sagrada Família.

1998 – nesse ano, numa assembléia paroquial, foi proposta uma Hora Santa de Adoração ao Santíssimo Sacramento, toda primeira quarta-feira do mês, ficando, a cada mês, uma pastoral ou movimento encarregado de preparar e dirigir a oração.

jst-foto 19

24/10/99 – inauguração e bênção da Casa Sta. Teresinha, em Muriqui , com a presença de cerca de 100 paroquianos.

Março/2001 – o Jornal Sal da Terra faz uma edição especial, comemorativa dos 40 anos da Paróquia. E lança o site do jornal (www.saldaterra.hpg.com.br). Posteriormente, em março de 2002, com domínio próprio o endereço passa a : www.jst.org.br.

jst-foto 20

13/08/2001 – comemoração dos 40 anos de sacerdócio de Pe. Florêncio.

Dezembro/2001 – aquisição da Casa Nazaré, na rua Custódia, nº. 460.

jst foto 25

15/06/2002 – início da pastoral do acolhimento

Setembro/2002 – realização da 1ª Feira bíblica, pelas crianças da catequese
Outubro/2002 – após obras de melhoria e adequação às atividades pastorais, foi inaugurada oficialmente a Casa Nazaré.
28/03/2003 – aquisição de um sítio, em Mauá, no bairro Ipiranga.

jst foto 21 e 22

21/04/2003 – bênção solene do sítio, com a presença de mais de 100 paroquianos que sugeriram o nome de “Recanto N.S. da Paz”, em Mauá.

2003 – nesse ano, realizou-se a 1ª carreata em homenagem a nosso padroeiro, S. Rafael.
10/10/2004 – a pastoral do acolhimento passa a ter a denominação de Ministério do Acolhimento. Diversos paroquianos foram investidos por D. Eusébio.
2005 – início das obras de reforma da Paróquia
08/05/2006 – por motivo de saúde de Pe. Florêncio, o Cardeal D.Eusébio transfere o Pe. Marcelo para a Paróquia S.Rafael, para aqui exercer a função de vigário, colaborando com o pároco.
Pe. Florêncio, então, se ausenta, para tratar de sua saúde.
Outubro/2006 – criação da Comunidade N.S.Aparecida, na Amovila.

jst -foto 31
10/06/2007 – dedicação do altar novo da Igreja, na missa das 9h.

  tapete

Junho/2008 – pela 1ª vez na paróquia, foi confeccionado, para a solenidade de Corpus Christi, um tapete, que cobriu todo o corredor central.

jst-foto 33

07/Setembro/2008 – chegada de Pe. Afonso à Paróquia.

Padre Afonso, com uma visão bem moderna, descentralizou a administração da Paróquia, criando, em março/2009, um conselho econômico administrativo, que o auxilia nas questões administrativas e financeiras (atividade meio), para facilitar a atividade fim, que é a evangelização.

Também alterou o horário de funcionamento da secretaria e da Igreja, que fica aberta diariamente, das 7h às 19h.